Beco Diagonal ― do seu jeito sempre
Fazendo Fanfic


Oi, gente!!!<br />
? meio dif?cil come?ar uma coluna, mas vou tentar.<br />
Primeiro queria agradecer ao pessoal do site, principalmente ao Planta, que me chamou, pelo convite e pelo espa?o, ver tanta gente envolvida num site como esse ? muito legal: isso mostra que o famdom de Harry Potter no Brasil veio para ficar, n?o ? s? um modismo passageiro.<br />
Bem, mas vamos ao assunto. <br />
Minha primeira coluna n?o podia ser sobre algo que n?o fosse fanfic. ? o assunto mais pol?mico em torno de Harry Potter, as discuss?es mais acaloradas s?o sempre suscitadas por quest?es que aparecem em fics de v?rios autores, conhecidos ou n?o. <br />
Os soci?logos que estudam internet j? consideram os famdoms e as fanfics como um fen?meno que ganhou for?a com a grande rede. A fanfic surgiu h? mais de trinta anos, as primeiras eram hist?rias fict?cias de groupies que falavam sobre relacionamentos, totalmente inventados, com seus ?dolos. O tipo de narrativa se intensificou, os assuntos para fanfic se diversificaram, mas foi na internet que ela se tornou um meio de express?o que movimenta milh?es de pessoas escrevendo sobre um ou v?rios temas, motivados apenas por paix?o. E Harry Potter ? o assunto recordista, de longe. Basta dar uma olhadinha no fanfiction.net.<br />
O que leva algu?m a escrever uma fanfic?<br />
Um amigo meu diz que quem escreve fanfics o faz porque quer brincar, e brincar num cen?rio j? montado ? sempre mais f?cil. Eu discordo desse ponto de vista, pelo menos em rela??o a Harry Potter: escrevemos fanfics porque a hist?ria ? boa, temos ansiedade em saber como ela termina, e principalmente, quer?amos estar l?, vivendo o que o Harry vive.<br />
Venhamos e convenhamos: JK Rowling criou um mundo fascinante. Ela ? criticada, ? considerada ?comercial?, ? invejada, mas n?o se pode duvidar do seu talento. <br />
? verdade que existem muitas fanfics com lugares-comuns: o personagem lindo, a morte inesperada algu?m, casais se juntando... h? o trivial, o banal e o realmente criativo. Mas isso n?o significa que n?o haja valor na obra de quem escreve uma fic que tenha uma trama n?o muito diferente de tudo que voc? j? leu: por pior que seja a fanfic, ela ? sempre o come?o de algo. Nem todo mundo tem criatividade, talento e dom?nio da palavra para escrever uma fanfic maravilhosa, mas se esse ? o seu caso, n?o desanime: um elogio ou cr?tica ? apenas um coment?rio, n?o vai afetar a sua vida de forma fundamental. <br />
Tenho visto muita gente escrevendo para ?ficar famoso?, o que ? uma bobagem. Por mais que sua fic seja lida e comentada, tamb?m ? apenas um coment?rio. N?o conv?m ficar metido e perder a no??o de realidade, ningu?m vira escritor da noite para o dia. Se seu barato ? escrever, v? adiante, mas ponha em mente uma coisa: nenhum grande escritor era um leitor med?ocre, e essa regra n?o tem exce??o. Leia, leia muito mesmo, porque s? lendo livros de autores diferentes e adquirindo o h?bito de pensar na hist?ria e na forma como ela ? escrita se desenvolve o talento narrativo, algo sem o que nem adianta tentar escrever uma hist?ria.<br />
Por enquanto ? s?.<br />
<br />
C?mbio e desligo ? Aline Carneiro.<br />
<br />
Tag da semana:<br />
?Sempre se pode voltar a Fantasia, mas nunca pelo mesmo caminho?<br />
(Michael Ende)<br />


  • Foto de perfil genérico Anônimo

    Em 09/08/2003


5412 visualizações desde 09/08/2003